Cirurgia Minimamente Invasiva

A cirurgia minimamente invasiva consiste em técnica cirúrgica em que procedimentos podem ser feitos com menores ou mínimas incisões, menor risco cirúrgico e melhor recuperação pós operatória.

 

A técnica teve seu início no mundo com maior força na Europa, sendo que uma das primeiras cirurgias realizadas com técnica inovadora e minimamente invasiva data da França de 1986.

 

No Brasil, a técnica foi difundida por cirurgiões em São Paulo e no Rio de Janeiro por volta de 1990 e teve seu maior avanço após o ano de 2000, quando a indústria inovou os instrumentos cirúrgicos para essa finalidade, possibilitando cirurgias cada vez mais complexas como para endometriose e câncer.

 

Dr Maurício é um dos pioneiros no desenvolvimento da técnica minimamente invasiva no Brasil, com experiência pessoal de mais de 25 anos, e hoje atua no tratamento cirúrgico de diversas doenças ginecológicas. Dentre essas técnicas temos a laparoscopia, histeroscopia, cirurgia por via vaginal e cirurgia robótica.

 

Sabe se hoje, que o melhor tratamento cirúrgico para a endometriose deve ser por via laparoscópica, porque permite a ressecção completa das lesões com menor chance de recidiva da doença.

 

Hoje Dr Maurício é coordenador e idealizador do Curso de Pós Graduação de Ginecologia Minimamente Invasiva do Hospital Sírio Libanês, onde ensina e propaga essa técnica, capacitando cirurgiões de todo o Brasil.